Um rootkit/spyware de fábrica nos celulares: CarrierIQ

Nos últimos dias a CarrierIQ não sai das manchetes online quanto o
assunto é privacidade. Ela era uma empresa desconhecida do grande
público, mas muito amiga das operadoras de telefonia móvel e fabricantes
de dispositivos da área. Sua atividade? Nada mais, nada menos, do que
monitorar o uso do sistema e do aparelho e enviar à nave-mãe.

Sabe aquelas opções de enviar relatórios de uso para aprimorar os
serviços? Informações que “não identificam o usuário pessoalmente”, mas
“podem incluir dados de localização”… Em teoria elas ajudam os
fabricantes a solucionar alguns tipos de problemas, gerando relatórios
estatísticos sobre o uso dos programas, travamentos, etc. Até aí, tudo
bem: seriam informações para ajudar a melhorar o desempenho disso ou
daquilo, retornando os erros para as operadoras e/ou fabricantes de
aparelhos. Mas na prática a coisa não é muito bonita.

Leia mais no Hardware.com.br e no Gizmodo

By | 2015-06-14T16:55:17+00:00 segunda-feira, 5 dezembro de 2011 12:15|Notícias|0 Comentários

Deixar Um Comentário